domingo, 3 de novembro de 2013

My Life as Me! #5





Lisboa consegue oferecer dias perfeitos... E ofereceu-me um...





Estava a precisar, estava mesmo a precisar de um "Girls Day Out", com a minha irmã. Sem horas e sem planos, lá fomos nós rumo ao Colombo para deitar o olho a Primark, e comprar os presentes da aniversário da nossa mais pequena! Em duas palavras: TE-RROR... Chegámos bem cedo mas esquece-mo-nos do factor Sábado, por isso, estava à pinha, esperem... Pior do que estar à pinha, parecia o pesadelo no jardim escola, crianças por todo lado, elas gritavam, elas corriam, elas choravam, elas queriam pijamas, elas queriam sair dali, elas queriam sapatos, elas queriam acabar-me com os nervos e conseguiram, depois de bem mais de sessenta minutos conseguimos sair, é certo, mas com a sanidade mental já muito abalada.
A precisar de alguma paz e principalmente de um almoço reforçado, acelerei rumo ao Chiado, a salivar por um hambúrguer do To B or Not to Burguer, chegámos e... Mais crianças, depois do terror no jardim escola, tivemos a experiência terror no refeitório. Vale tudo a pena para fincar o dente num daqueles pedaços de paraíso, sinceramente, se há sítio onde não me importo de esperar vinte minutos por uma mesa é ali, é merecido pelo óptimo serviço e pela comida que acaba comigo, é deliciosa!
Corri Chiado acima, Chiado abaixo, entrei em todas as lojas, mas vou confessar uma coisa, um feito, um orgulho, um marco: não comprei nada! Eu acho, ou melhor, tenho a certeza, que a Primark, arruína a forma como olhamos para o preço da roupa, porque dar 49,90€ por uma malha que, igual lá me vai custar 10€? Pois aqui me confesso, a Primark tornou-me forreta...
Como se não bastasse o choque calórico do almoço, acabei perto de casa, no meu cantinho de eleição (digamos que ao fim-de-semana também tende para o caos), o Choupana Caffé, a beber um Expresso Choupana, que aconselho a todos os gulosos deste Mundo, com leite condensado, canela, chocolate e natas, é só a melhor coisa para aquecer a alma, desde que, acompanhado por uma fatia do delicioso Bolo Saloio.
Estou um animal, vou correr e castigar-me com todas as variações de agachamentos, mas valeu a pena, porque tudo é bom quando em equilíbrio e porque tudo sabe mil vezes melhor quando é feito com quem amamos!







Sem comentários:

Enviar um comentário