sábado, 1 de dezembro de 2012

Ink Me!



A primeira foi em 2010, e a partir daí o bichinho ficou, mas não tinha ainda nada, que me fizesse querer mesmo fazer uma tatuagem nova.
Desde 2010 foram anos de mudança, de crescimento e de aceitação, mas principalmente, foram anos de descoberta, do que quero, do que sou, do que me faz feliz, e do caminho que devo seguir para já.
Conheci gente fabulosa e gente horrível, apaixonei-me e desapaixonei-me, sonhei alto e caí no chão, iludi-me e desiludi-me, cometi loucuras, cativei e fui cativada, e principalmente aprendi que todos nós, sem excepção, estamos sempre a caminho de qualquer lado ou, em busca de qualquer coisa, e consequentemente, somos eternos insatisfeitos...
Por isso, hoje dia 30 de Novembro, um dos melhores meses da minha vida, de sempre, peguei nas perninhas e fui ter com o Diogo, o tatuador mais paciente da El Diablo, que me deu o título de pior cliente da sua longa carreira, para tatuar a frase mais significativa para mim.
Tenho de agradecer ao excelente profissional que ele é, à paciência que teve para mim, que não parava de me mexer com a dor, e ao sentido de humor que tem, e ao espaço fabuloso que mantêm aberto desde 1990!



Sem comentários:

Enviar um comentário